RETORNOS

Espanha/Portugal/Argentina

2010

90 min

Suspense

De Luis Avilés

Álvaro é um homem comum, tem uma mulher, Elisa, e uma filha, Mar de dez anos. E um irmão, José, que lhe dá trabalho e um ordenado fixo e um pai, de quem todos cuidam. Um dia quebra as regras e começa um romance com Carmen, sua cunhada, mulher de José.

No dia em que Álvaro e Carmen decidem ir embora da aldeia têm um grave acidente. Carmen morre imediatamente, Álvaro parte apenas uma clavícula, mas fica exposto ao julgamento do povo como um adúltero, um mau irmão que trai o seu próprio sangue. Tem que ir embora, sozinho, e sem olhar para tras.

E passam dez anos. E um dia o pai doente, sentindo que está a morrer, manda chamá-lo. E Álvaro volta. Só irá ficar o tempo necessário e sairá dali quanto antes, não quer ferir a sensibilidade de ninguém.

Mas, uma vez que está na Galiza, pensa que é um bom momento parar sarar as feridas…

CARTAZ

STILLS

Formato

35mm


Idioma

Espanhol


Diretor

Luis Avilés


Guião

Luis Avilés


Produtores

Emma Lustres, Borja Pena


Coprodutores

Tathiani Sacilotto, António Ferreira


Elenco

Xavier Estévez, Manuela Vellés, Silvia Marty, Yoima Valdés, Luis Zahera, Emilio Gutiérrez Caba


Fotografia

Ricky Morgade


Música

Diego Lipnizky | Sergio Moure


Montagem

José Ramón Lorenzo Picado


Financiamento

ICAM – Instituto do Cinema, Audiovisual e Multimédia (pt)

AGADIC - Axencia Galega das Industrias Culturais (es)

ICAA - Instituto de la Cinematografía y de las Artes Audiovisuales (es)

IBERMEDIA


Festivais

2010 Montréal World Film Festival

2010 Festival de Valladolid

2010 Mostra de São Paulo

2011 Premios Goya

2011 Mestre Mateo Awards
Best Supporting Actress (María Bouzas)
Best Supporting Actor (Xosé Manuel Olveira)


RETORNOS

Espanha/Portugal/Argentina

2010

90 min

Suspense

De Luis Avilés

Álvaro é um homem comum, tem uma mulher, Elisa, e uma filha, Mar de dez anos. E um irmão, José, que lhe dá trabalho e um ordenado fixo e um pai, de quem todos cuidam. Um dia quebra as regras e começa um romance com Carmen, sua cunhada, mulher de José.

No dia em que Álvaro e Carmen decidem ir embora da aldeia têm um grave acidente. Carmen morre imediatamente, Álvaro parte apenas uma clavícula, mas fica exposto ao julgamento do povo como um adúltero, um mau irmão que trai o seu próprio sangue. Tem que ir embora, sozinho, e sem olhar para tras.

E passam dez anos. E um dia o pai doente, sentindo que está a morrer, manda chamá-lo. E Álvaro volta. Só irá ficar o tempo necessário e sairá dali quanto antes, não quer ferir a sensibilidade de ninguém.

Mas, uma vez que está na Galiza, pensa que é um bom momento parar sarar as feridas…

CARTAZ

STILLS

Formato

35mm


Idioma

Espanhol


Diretor

Luis Avilés


Guião

Luis Avilés


Produtores

Emma Lustres, Borja Pena


Coprodutores

Tathiani Sacilotto, António Ferreira


Elenco

Xavier Estévez, Manuela Vellés, Silvia Marty, Yoima Valdés, Luis Zahera, Emilio Gutiérrez Caba


Fotografia

Ricky Morgade


Música

Diego Lipnizky | Sergio Moure


Montagem

José Ramón Lorenzo Picado


Financiamento

ICAM – Instituto do Cinema, Audiovisual e Multimédia (pt)

AGADIC - Axencia Galega das Industrias Culturais (es)

ICAA - Instituto de la Cinematografía y de las Artes Audiovisuales (es)

IBERMEDIA


Festivais

2010 Montréal World Film Festival

2010 Festival de Valladolid

2010 Mostra de São Paulo

2011 Premios Goya

2011 Mestre Mateo Awards
Best Supporting Actress (María Bouzas)
Best Supporting Actor (Xosé Manuel Olveira)